terça-feira, 11 de janeiro de 2011

Pão de Panificadora Caseira. Sem Glúten e Sem Lactose.

Boa noite!
Já recebi pedidos de receitas de pão de máquina, mas não tinha a menor idéia de como funcionava. Esses dias emprestei de uma amiga para tentar fazer o pão sem glúten. 
A receita peguei nesse Blog que sempre leio e no quesito praticidade esse pão é 10! 
Misturei tudo e coloquei na panificadora, em 3  horas o pão estava pronto sem trabalho e sem sujeira.
Ainda não achei o ponto ideal, achei esse pão nota 7 (de 0 a 10), mas quando fica pronto é uma maravilha a sensação de fazer quase nada e ter um pãozinho quentinho te esperando, rs e SEM GLÚTEN!!!!
Segue a receita:

Misture as farinhas:
1 xícara de farinha de arroz
1 ½ xícara de maizena
1 ½ xic de polvilho doce
½ xícara de farinha de milho

Misture bem todos os ingredientes com um batedor de claras e coloque num recipiente fechado.


INGREDIENTES:

1 ovo inteiro + 1 clara;
½ colher de (cha) de vinagre de vinho branco;
2 colheres ( sopa) de mel;
3 colheres ( sopa) de margarina (Becel) derretida;
1 xícara ( 250ml) de água; 
2 xicaras da mistura de farinhas acima;
1 colher de sopa de goma xantana + ½ colher de chá;
½ colher (cha) de sal;
1 colher (cha) de gelatina em po sem sabor;
3 colheres ( cha) de fermento para pão;

MODO DE PREPARO:
Misture os ingredientes secos, e os molhados separadamente. Acrescente o líquido às farinhas e misture até formar uma massa homogênea.
A massa ficou pesada, pegajosa.
Transfira a massa para o recipiente da máquina e programe para ciclo normal.

E esse foi o resultado:




O pão ficou bonito e gostoso, mas achei que ficou um cheiro forte de fermento. Vou tentar de novo colocando o fermento para levedar antes.
Até a próxima!

9 comentários:

  1. Oi Josi!
    Engraçado.
    Eu tenho uma máquina de fazer pão e comprei ela um pouco antes de ficar sem comer gluten.
    Eu tenho uma receitinha que faço sempre nela. Dá pra colocar direto nela, ou somente bater a massa nela e modelar como quiser (pra assar no forno).
    Mas me conta uma coisa: como é que põe p fermento pra levedar?
    Beijinhos!
    Clara

    ResponderExcluir
  2. Oi Clara! Por favor, mande essa receita para mim, rsrsrs já tenho uma máquina dessa prometida como presente de casamento!
    Levedar o fermento é o seguinte: Coloque na vasilha que for preparar a massa: o fermento, açúcar, 3 colheres da farinha de arroz e um pouco de água morna, faça um creme e deixe em local abafado por 20 min.
    Após o tempo, o fermento reage e forma o que chamo de "esponjinha". Depois vc acrescenta os outros ingredientes.

    ResponderExcluir
  3. oi josi!! muito legal suas receitas! vou testar essa sua da máquina de pão, pois comprei uma pra mim no natal... se quiser visitar meu blog, tb tem algumas coisas legais lá... é http://www.semglutensemlactose.com

    vamos trocar mais experiências! principalmente com pão que não sei mto bem ainda.. hehehehehe

    um bjão e bom fim de semana!

    ResponderExcluir
  4. Oi Débora! Esse pão que postei hoje ficou muito melhor que o primeiro. Tente fazer, acho que irá gostar. Beijos.

    ResponderExcluir
  5. oi Josi não estou conseguindo um fornecedor de farinha d arros talvez vc possa indicar um pra mim estou com projeto de fazer congelados mas com farinha d arroz. brigado meu e-mail claudya48@hotmail.com

    ResponderExcluir
  6. Oi Josi!
    talvez o cheiro de fermento seja pela quantidade.Em geral os pães de máquina levam 2 colheres de chá de fermente e não 3.
    Abração!
    marister

    ResponderExcluir
  7. Oi Marister! Sabe já pensei nisso... Mas testei com o ciclo rápido e deu certo... As colheres são de chá, não de sopa... Mas vou tentar, valeu a dica! Para a Clara dá super certo essa receita, vc pode ter razão sim. Beijos e obrigada.

    ResponderExcluir
  8. Olá, Josi! Parabéns pelo seu blog, que eu sempre visito. Eu adoro esse pão da Leila. Mas só que ele sempre ficava um pouco murcho no meio e mais alto nas bordas. Diminui a quantidade de água para apenas meio copo e ficou bem mais bonito! Pincelar a gema que sobrou também dá um visual legal.

    ResponderExcluir
  9. Oi Mari, muito obrigada pelo elogio. Tentei fazer essa receita de novo, mas ainda acredito que o tempo na máquina não pode passar do ciclo rápido mesmo. Vou experimentar reduzir o fermento como já sugerido e um pouco da água tbm. Beijos e valeu pelas dicas!!!

    ResponderExcluir

O seu comentário é importante para mim!
Entre em contato também pelo e-mail: josi.buzachi@gmail.com.