sexta-feira, 19 de julho de 2013

Pão sem glúten e sem lactose

Olá! Esse pão é muito versátil.
A receita é bem simples e tenho feito na panificadora caseira, bato nela e passo para as assadeiras.
A massa é firme e comporta recheios variados, sempre que faço a receita recheio pelo menos um, que o maridão adora!!!

INGREDIENTES:
3 xícaras da farinha preparada com fubá:
(Misture bem em um pote:1 xícara de farinha de arroz, 11/2 xícara de maisena, 11/2 xícara de polvilho doce e meia xícara de fubá).
 2  colheres das de chá de CMC ou goma xantana (dúvidas clique aqui);
 3 colheres das de sopa de açúcar;
1 colher das de chá de sal;
2 xícaras de água mineral morna mais ou menos, depende do ponto da massa;
1 colher das de sopa de fermento biológico seco;
1/4 de xícara de azeite ou óleo;
1 colher das de chá de vinagre de maçã;
1 ovo + 2 claras.

MODO DE PREPARO:

Misture todos os ingredientes secos menos o sal (até o fermento põe junto);
Junte os ovos o óleo o vinagre e mais ou menos meia xícara de água morna;
No recipiente da máquina coloque os secos, e por cima a mistura líquida, ligue a máquina na opção "massa".
Observe como vai misturando e coloque água à medida que a massa vai se juntando.
Quando estiver no ponto, que é meio pegajosa e mais grossa que massa de bolo, acrescente o sal. Tenho feito assim depois que assisti um programa em que um padeiro deixava o sal por último, por ele atrapalhar o efeito do fermento. O tempo é mais ou menos de 8 minutos batendo.
Agora transfira a massa para as assadeiras. Para o pão recheado coloca-se 1/3 da massa, distribua o recheio preferido e cubra com o restante da massa. Quando ponho para crescer já ligo o forno, o meu é elétrico, então chega rápido à temperatura, talvez você precise acender antes.
Ponha para crescer em local fechado, coloco dentro do microondas.
O tempo de crescimento é muito importante, não devemos deixar tempo demais, aqui o clima é quente, então em 20 minutos no máximo a massa já cresceu. Além de observar a referência da massa na assadeira, às vezes faço uma marquinha para ver onde ela chega, testo com o dedo levemente por cima dela, quando toco e vejo as bolhinhas na massa já ponho no forno. Ainda vou fotografar esse teste.


                                                                       Pão antes do crescimento.

                                                                 Pão recheado antes de crescer.

Depois de crescido acrescente sementinhas de gergelim se quiser e asse em forno pré-aquecido por mais ou menos 40 minutos.


                                               Recheei com mussarela, salaminho, azeitonas e tomate.

                                                          Recém tirados do forno.



Esse pão é bem resistente para fatiar, depois de frio fatie, envolva em filme plástico e congele.
Quando for comer tire as fatias e descongele no microondas, frigideira ou como faço todo dia na torradeira!
Espero que gostem, beijos.
















Bolo de milho com goiabada. Sem Glúten.

Bom dia!
Estou com o propósito de retomar minhas postagens.
Tenho recebido tantos comentários e e-mails de agradecimento que fico até emocionada, a nutrição é realmente a minha vocação para a vida!
Hoje postarei um bolo delicioso de milho e goiabada.




Para fazer esse bolo eu me inspirei nesse receita do blog Cozinhando sem gluten, fiz apenas algumas alterações.
Ficou divino, massa porosa, saboroso e levinho!




 INGREDIENTES:
3 ovos (gema sem a pele);
1/2 xícara de óleo;

1/2 xícara de ricota (opcional);
2 colheres de maisena;
1 xícara de açúcar;
1 xícara de leite (pode usar água ou o zero lactose);
1 xícara de milharina;
1 lata de milho (tirar a água);
1 colher (sopa) de fermento químico em pó;
Cubinhos de goiabada.

MODO DE PREPARO:

Pique um pedaço de goiabada em cubos e passe no fubá (uma amiga disse que ajuda ela não afundar tanto na massa).
Bata todos os ingredientes no liqüidificador, menos o fermento e a goiabada.
Bata por mais ou menos 3 minutos.
Junte o fermento e bata por 30 segundos.
Despeje a massa em forma untada e enfarinhada com fubá e distribua os pedaços de goiabada.
Asse em forno preaquecido.

                                                                    Detalhe da goiabada derretida.

É isso, bem prático! Como quase tudo do blog.
Beijos ;)